Porto Real intensifica ações em vias e órgãos públicos
15 de janeiro de 2021
Cadáver é encontrado em Barra Mansa
15 de janeiro de 2021

Prefeitura de Resende se prepara para receber vacinas contra a Covid-19

Município seguirá regras estabelecidas pelo Governo Federal e aguarda definição sobre número de doses disponíveis   

Tendo em vista a previsão do Governo Federal de iniciar a vacinação contra a Covid-19 no próximo dia 20 de janeiro, a Prefeitura de Resende está se preparando para receber a vacina e imunizar a população. A formulação do cronograma de vacinação ainda depende do número de doses que serão recebidas pelo município, mas Resende já possui um Plano Municipal para a vacina. 

De acordo com o prefeito Diogo Balieiro Diniz, a gestão municipal, através da Secretaria Municipal de Saúde, está totalmente empenhada nos esforços para garantir o bom funcionamento das Unidades Básicas de Saúde do município. Esta mobilização é essencial para que a vacinação ocorra de forma organizada e sem prejuízo à população. Neste momento inicial, segundo ele, é possível afirmar que o município terá 33 salas de vacinação para atender o público-alvo. 

Durante o processo de formulação do planejamento para a vacina foram levadas em conta todas as medidas de segurança contra o contágio da Covid-19. Entre os recursos que podem ser utilizados neste processo, por exemplo, está a possibilidade de a vacinação ser feita em casa para os idosos, com o objetivo de que não precisem ser expostos ao vírus durante o deslocamento. Além disso, será acionado o Programa Melhor em casa para contemplar acamados e pessoas com mobilidade limitada. A estimativa é de que cerca de 500 profissionais estejam mobilizados para a vacinação nas salas e demais formas de aplicação. 

– A vacinação contra a Covid-19 é muito aguardada por todos e entendemos a importância de obedecer às determinações do Governo Federal, que tem a responsabilidade da distribuição da vacina. Ainda não é possível saber quantas doses serão recebidas por Resende e, consequentemente, qual será o cronograma, mas o município estará preparado para todos os cenários – disse o prefeito. 

Grupos prioritários 

O planejamento de vacinação do município obedecerá a determinação de grupos prioritários do Governo Federal. A organização disposta em quatro fases prevê que na Fase 1 sejam imunizados trabalhadores da saúde, população idosa a partir de 75 anos de idade, pessoas com 60 anos ou mais que vivem em instituições de longa permanência (asilos e instituições psiquiátricas) e a população indígena. 

Na Fase 2 de vacinação estão previstas as pessoas com idade entre 60 e 74 anos. Já na Fase 3 serão contempladas pessoas com comorbidade que apresentam maior chance para agravamento da doença (como portadores de doenças renais crônicas e cardiovasculares). E na Fase 4 serão contemplados professores, forças de segurança e salvamento, funcionários do sistema prisional e população privada de liberdade. 

Vale destacar que os grupos previstos são preliminares e ainda estão passíveis de alterações de acordo com as determinações do Ministério da Saúde. 

Insumos 

O abastecimento de insumos fundamentais para a vacinação no município, que é responsabilidade do Governo do Estado, já está acontecendo. Recentemente, o município recebeu uma cota de seringas e agulhas, que estão em estoque. A segunda cota já está agendada com o governo estadual. Além disso, a Prefeitura de Resende também irá adquirir mais seringas com recursos próprios. O quantitativo em estoque neste momento é considerado suficiente para iniciar a vacinação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *