Buscar
Sul Fluminense,  |
notícia publicada em hs.

“Novo” Raulino de Oliveira completa treze anos de história

Em treze anos, estádio foi palco de momentos marcantes, como jogo da Itália

Destaque Popular, em Volta Redonda
Imprimir  
“Novo” Raulino de Oliveira completa treze anos de história

O Raulino de Oliveira completa 13 anos de reforma.  Com capacidade para 21 mil torcedores, trata-se do maior estádio do Sul do Estado do Rio de Janeiro. O projeto da reforma nasceu em 2001, aproximadamente seis décadas depois do estádio ser erguido. A inauguração aconteceu em 17 de abril de 2004. O Estádio já foi palco de momentos marcantes para quem gosta de futebol, como o amistoso entre a seleção da Itália e Fluminense, que serviu como preparação da seleção europeia para a Copa do Mundo de 2014, além da conquista do Campeonato Brasileiro da Série D, pelo Volta Redonda.


Mudanças foram planejadas para deixar o Raulino ainda melhor em 2017. Todas elas para dar mais conforto aos torcedores. "Fizemos manutenção nos elevadores, trocamos lâmpadas, adquirimos megafones para controle de publico, pintura geral, reforma das escadas de acesso e dos bancos de reserva, manutenção das cadeiras da arquibancada, entre outras. Estamos fazendo reparos e mudanças em todo o estádio. E já estamos com projetos para incrementar o uso do espaço, mesmo em dias que não estiverem jogos", afirmou o administrador do estádio, Felipe Moura de Araújo.


A arena pode ser considerada pioneira no atendimento do Estatuto do Torcedor, que ganhou visibilidade no cenário esportivo pela modernidade, conforto e segurança. Fora das quatro linhas, o cidadão só tem o que comemorar, pois o Raulino de Oliveira é um grande prestador de serviços públicos, seja na área da saúde ou na educação.


O interior do estádio abriga a Academia da Vida, voltada para a Terceira Idade, a Ótica da Cidadania (que distribui óculos de graça para pessoas carentes), o Centro de Reabilitação para Cardíacos, o Centro de Fisioterapia, Academia de Ginástica para a Terceira Idade e o Centro de Ensino a Distância (Cederj), além da Policlínica da Cidadania e o Centro de Imagens. Diariamente passam pelas dependências do estádio mais de três mil pessoas


Um pouco da história do Raulino de Oliveira


- Estádio General Sylvio Raulino de Oliveira, popularmente conhecido como Raulino de Oliveira. Assim é chamado o estádio do Volta Redonda Futebol Clube. O nome oficial é uma homenagem ao ex-presidente da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), que doou o terreno e construiu o primeiro estádio no local;


- O estádio foi construído em 1950, sendo inaugurado em 15 de abril de 1951. A demolição aconteceu em 2002/03, e a reconstrução em 2004;


- A partida de reinauguração do estádio foi no dia 17 de abril de 2004, entre Volta Redonda x Botafogo. O alvinegro venceu o Voldaço por 2 a 1, perante um público de 18 mil pessoas;


- Um dos jogos marcantes no Raulino de Oliveira foram três meses depois da reinauguração, quando o Volta Redonda sagrou-se campeão da Segunda Divisão do Campeonato Carioca ao empatar em 1 a 1 com o Boa Vista. Nas arquibancadas, mais de 20 mil pessoas estiveram presentes. Recorde de bilheteria.


Estrutura


Capacidade total: 21.000 lugares


Dimensões do campo: 105 x 68


4 vestiários


Salas de aquecimento


Salas médicas


Sala para exames antidoping


Salas de raio x


Administração


Sala de imprensa


8 cabines de rádio


3 cabines de Tv


Dois elevadores panorâmicos


Compartilhar:


Outras Fotos (Clique para ampliar)


Comentários:
Nenhum comentário adicionado.

Inserir comentário:

Nome:

E-mail:

Mensagem:


Publicidade
Home | Políticas de Privacidade | Contato | Anúncie Conosco
Saúde | Esportes | Destaques | Cultura | Nacional | Músicas | Internacional | Polícia | Trânsito | Região | Todas Notícias
© 2011-2014 - Destaque Popular. Todos os direitos reservados à Destaque Popular.
Desenvolvido por: