Barra do Piraí realiza campanha de Vacinação Anti-Rábica em cães e gatos
17 de setembro de 2013
Rechuan entrega netbooks aos estudantes da escola Noel de Carvalho
19 de setembro de 2013


Consórcio apresenta estatuto do gabinete de gestão integrada região

Reunião teve presença de representante do Ministério da Justiça e do Governo do Estado

O consórcio intermunicipal de Segurança com Cidadania do Médio Vale Paraíba Fluminense (CISEGCI), presidido pelo prefeito de Resende, José Rechuan, realizou na terça-feira, dia 17 de setembro, na Casa da Amizade, a segunda reunião do Gabinete de Gestão Integrada Regional do Médio Vale do Paraíba Fluminense (GGIR) desde sua instalação, em junho deste ano. O Gabinete é formado por representantes dos 13 municípios que integram o Consórcio e ainda pelas Polícias Federal, Civil, Militar, Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, Instituto de Segurança Pública do Estado e Secretaria Nacional de Segurança Pública.

– O GGIR foi criado para promover uma integração sistêmica e multidisciplinar do PRONASCI, envolvendo os municípios, órgãos estaduais, federais e representantes da sociedade civil em torno do tema segurança pública, articulando ações de prevenção à criminalidade, atuando nas razões socioeducativas, otimizando ações de segurança pública e políticas sociais – explicou o presidente do Consórcio, José Rechuan.

Na reunião desta terça-feira foi apresentada a previa do Regimento Interno do GGIR, que poderá receber propostas de alterações por parte dos representantes que o compõem até a data de sua votação em definitivo. Outros temas discutidos na reunião foram a realização do Fórum Regional de Prevenção à Violência, que acontece no dia 22 de outubro, em Barra Mansa, quando o regimento deverá ser aprovado; e a inauguração do Centro de Prevenção às Drogas, instalado em Porto Real.

O Centro terá uma infraestrutura de apoio para atividades com equipe multidisciplinar composta por um psicólogo, um pedagogo, um antropólogo, um assistente social e um administrador, e terá como objetivo a elaboração de diagnóstico com dados estatísticos sobre os usuários e tipos diversos de drogas traficadas e consumidas na região; produção do plano regional de prevenção às drogas; e implantação de cinco polos municipais de prevenção às drogas.

O representante do Ministério da Justiça presente na reunião, Luiz Carlos Fiori, parabenizou o Consórcio pelas iniciativas concretas que já estão sendo desenvolvidas na região. Já o representante do Instituto de Segurança Pública, ligado à Secretaria Estadual de Segurança Pública, Pedro Augusto Teixeira, informou que trará propostas para uma efetiva participação do órgão no GGIR.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *