Colisão envolve três veículos em ponte de Volta Redonda
1 de março de 2019
Samuca Silva determina auditoria no Hospital do Retiro
1 de março de 2019

Granato quer nova licitação para o transporte público em Volta Redonda

Vereador vem recebendo reclamações da população e quer providências

O vereador Washington Granato manifestou-se esta semana, durante a sessão ordinária, contra a péssima qualidade do transporte público em Volta Redonda. O parlamentar vem recebendo inúmeras reclamações de usuários nas ruas, por telefone e por meio das redes sociais, e anunciou que irá atuar para fiscalizar e cobrar a eficácia dos serviços, e, se necessário visando até a cobrança de uma nova licitação pública para o transporte.

A Câmara Municipal, a pedido de Granato, está criando uma Comissão Especial para buscar soluções e prevê ainda a realização de uma audiência pública, onde a população terá voz e poderá colocar todas as suas críticas ao sistema de transporte público.

– Tenho recebido reclamações quanto aos horários dos coletivos. São estudantes dizendo que chegam atrasados às aulas; pessoas que chegam atrasadas às consultas médicas ou às vezes nem conseguem chegar;  trabalhadores que não conseguem chegar ao trabalho, isso porque os ônibus não passam na hora certa ou porque alguns horários são suprimidos, obrigando os usuários a permanecerem um longo tempo no ponto – lamentou Granato, salientando que recebeu também reclamações de pessoas com deficiência que enfrentam dificuldades de acesso aos coletivos.

Na avaliação do vereador, todas essas reclamações demonstram a deficiência do transporte público no município, e que somente uma nova licitação pode garantir o serviço digno e eficiente que o volta-redondense merece. Outra reclamação é com o fato dos motoristas estarem exercendo dupla função, de condutor e cobrador, o que causa transtornos aos profissionais e ainda mais atraso nas linhas. Outro problema é com o estado dos ônibus, que às vezes quebram no meio do percurso. O vereador, no entanto, ressalta que a população não pode culpar os profissionais pelos problemas, pois o que não está funcionando bem é a gestão de algumas empresas e as condições dos veículos.

– É uma pena que uma cidade do tamanho de Volta Redonda, com empresas do tamanho que Volta Redonda tem preste um serviço de tão baixa qualidade e ainda cobre uma tarifa de R$ 3,80. A população pede que esta Casa Legislativa tome providências e nós não podemos ficar inertes com relação ao que vem ocorrendo. Eu convidei aos meus colegas vereadores para analisarmos tudo o que pode e deve ser feito e vou atuar no sentido de garantir o direito de ir e vir do cidadão, – destacou, frisando que também irá apurar denúncias de que algumas empresas estão reduzindo o quantitativo de ônibus circulando em cada linha.

Compartilhe

1 Comentário

  1. Rajane Corrêa Rosa disse:

    Granato, vc é candidato a prefeito em 2020 ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *