Granato solicita criação de comissão especial para avaliar transporte público em VR
15 de março de 2019
Árvore cai sobre caminhonete do Saae, no bairro Aterrado
15 de março de 2019

Volta Redonda realiza Dia D contra Dengue, Zika e Chikungunya

Ações neste sábado, dia 16, incluem vistoria domiciliar e orientação aos moradores

A Secretaria de Saúde de Volta Redonda, por meio da Coordenadoria de Vigilância Ambiental, realiza neste sábado, dia 16, em toda cidade ações pelo Dia D de combate à Dengue, Zika e Chikungunya. Agentes de endemias vão fazer visitas domiciliares para eliminar focos do Aedes Aegypti e orientar os moradores, com distribuição de material educativo, sobre como evitar possíveis criadouros do mosquito.

De acordo com a coordenadora da Vigilância Ambiental, Janaína Soledad, os principais focos do Aedes Aegypti estão dentro de casa, nos pratinhos de plantas e no lixo armazenado de forma incorreta. “Por isso, a importância de realizar a uma vistoria de 10 minutos por semana em sua casa. Nesse tempo, você fiscaliza os ralos, vasos de plantas e recolhe algum lixo ou entulho acumulado”, disse.

Ela lembrou ainda que o intervalo de uma semana foi definido por conta do ciclo de vida do mosquito. “O Aedes Aegypti leva de sete a dez dias entre a eclosão do ovo e a fase adulta. Fazendo a vistoria semanal, conseguimos interromper esse ciclo e diminuir a infestação de insetos adultos”, explicou Janaína.

O secretário de Saúde de Volta Redonda, Alfredo Peixoto, convoca todos os moradores a participarem do Dia D contra a Dengue, Zika e Chikungunya neste sábado, dia 16. “Toda sociedade precisa estar envolvida no combate ao Aedes Aegypti para evitar a transmissão dessas doenças. Cuide do seu quintal e oriente o seu vizinho a fazer o mesmo. A ação contra o mosquito só é eficaz se todos se comprometerem”, afirmou.

O prefeito do município, Samuca Silva, também fez um alerta para a população. “Todos nós devemos ser vigilantes. A prefeitura está mobilizando as equipes da Secretaria de Saúde para identificar possíveis focos, mas esse trabalho deve ser complementado pelos moradores e donos de imóveis. É importante que cada pessoa vistorie sua casa. A saúde é uma prioridade em nosso governo, mas é preciso atuar na prevenção”, ressaltou.

O trabalho neste sábado, dia 16, que será realizado entre 8h e 14h, começa pelo bairro Dom Bosco, onde os agentes de endemias pretendem visitar cerca de mil imóveis. Além dos bairros de Volta Redonda, parte da equipe da Vigilância Ambiental vai atuar no Califórnia, em parceria com a Prefeitura de Barra do Piraí.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *