Semana Mundial da Água será comemorada em Resende com atividades ambientais
20 de março de 2019
Vereadora Soraia Balieiro cobra melhorias para o Bairro Elite
20 de março de 2019

Barra Mansa se mobiliza para atender vítimas das chuvas

Saúde, Assistência Social, Meio Ambiente, Manutenção Urbana e Saae-BM  se unem para identificar número de famílias desalojadas e desabrigadas em função do temporal

Após a forte chuva que ocasionou diversos estragos, na noite de domingo (17) e na madrugada desta segunda-feira (18), a Prefeitura de Barra Mansa está mobilizada para atender as famílias mais atingidas pelo temporal. A secretarias de Saúde, Assistência Social e Direitos Humanos, Meio Ambiente, Manutenção Urbana e Saae-BM (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) se uniram numa força tarefa visando identificar o número de famílias desalojadas e desabrigadas em função do temporal.

Já nesta quarta-feira (19), dois pontos de apoio entram em funcionamento, ofertando serviços de saúde, assistência social e distribuição de cloro para limpeza das casas. Eles funcionarão no Colégio Municipal Clécio Penedo, para atender os desabrigados do bairro Nova Esperança, e na Igreja Católica São Luiz Gonzaga, direcionado ao atendimento dos desabrigados do bairro São Luiz.

O prefeito de Barra Mansa, Rodrigo Drable, usou a rede social para se pronunciar nesta terça-feira, explicando a situação e fazendo um apelo para que a população se sensibilize e ajude com a doação de móveis em bom estado de conservação, alimentos e agasalhos. “Todos estamos cientes das dificuldades que o município está passando devido à forte chuva que tanto nos afetou. As coisas não estão fáceis, mais de 200 homens viraram a noite de domingo para segunda-feira fazendo o melhor que podiam para minimizar a situação. Muitas famílias perderam tudo que tinham, por isso estamos iniciando uma campanha para coletar alimentos, roupas e moveis que estejam em bom estado”.

Drable ainda explicou como e onde está localizado o ponto de coleta dos donativos. “Estamos com um caminhão branco, ao lado da Igreja Matriz, no Centro, fazendo a coleta e posteriormente, faremos a distribuição para as famílias. Peço a ajuda de todos para amparem essas vítimas da chuva neste momento de grande dificuldade”, frisou o prefeito, lembrando que a campanha vai até a próxima sexta-feira (22) e as doações podem ser feitas das 8 às 19h.

De acordo com a coordenadora do Cras São Pedro (Centro de Referência em Assistência Social), Elaine Ribeiro, o bairro São Luiz teve um elevado índice de prejuízo. Segundo ela, muitas pessoas perderam, além dos móveis e eletrodomésticos, sua documentação pessoal. “Nosso Cras atende 21 bairros na redondeza. Neste momento, estamos fazendo o levantamento das pessoas que atendidas por algum dos programas da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos para darmos o auxílio possível e necessário. Toda a secretaria está acompanhando de perto a situação. Até o momento, identificamos 15 famílias do São Luiz que perderam todos os seus pertences e outras duas do mesmo bairro, que estão desalojadas e instaladas provisoriamente na casa de vizinhos e parentes”, pontuou a coordenadora.

A Defesa Civil de Barra Mansa informou que, até o momento, não há registros de pessoas desabrigadas no município. Ainda segundo o órgão a Secretaria Municipal de Educação disponibilizou as unidades escolares como abrigo provisório em caso de necessidade.

A Defesa Civil alerta que situações de urgência e emergência deve ser comunicada através dos telefones 199/ 3028-9370/ 3322-1410.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *