Cemam abre novas vagas para projeto de defesa pessoal para mulheres
11 de junho de 2019
Ônibus atropela casal na Ponte Alta
12 de junho de 2019

Prefeitura de BM realiza ação visando regularizar serviço de ambulantes

Projeto ‘Ambulante Legal’ visa orientar os trabalhadores informais sobre como estar de acordo com a lei municipal

De olho na economia municipal e, também, na qualidade em procedência dos produtos, a Prefeitura de Barra Mansa, através da Coordenadoria de Fiscalização de Postura, da Secretaria de Ordem Pública, iniciou nesta terça-feira (11), a ação ‘Ambulante Legal’. A iniciativa, que vai continuar nesta semana, visa à regularização dos comerciantes autônomos do município. A ação aconteceu na Praça da Liberdade, no Centro, e contou com a orientação de profissionais da pasta, auxiliando os trabalhadores que realizam suas atividades de forma irregular.

Desde 2017 o programa ‘Ambulante Legal’ foi implementado Barra Mansa e, desde então, tem agido na regularização desses profissionais. Para se tornar um ambulante legal, o interessado deve ser morador do município por pelo menos três anos e estar desempregado.

De acordo com o secretário de Ordem Pública de Barra Mansa, Luiz Furlani, todos os ambulantes que tem o desejo de se regularizar e trabalhar na forma da lei terá seu espaço para exercer sua atividade diariamente no município. “Ele só precisa levar a documentação pertinente exigida pela Lei Municipal 4.615 3467 de 2000, que regulariza as vagas de ambulantes na cidade, que faremos todos os procedimentos para a legalização. Este ano entregaremos mais autorizações, bem como as renovações das licenças que estão vigentes”, garantiu Furlani.

Para o coordenador da Fiscalização de Postura, William Pereira, a função do setor é orientar pessoas que trabalham como ambulantes e não são regularizados, para estarem de acordo com a lei. “Nós não estamos atuando a fim de coibir esse tipo de comércio, mas sim agir de forma justa com os outros comerciantes que são legais. Fiscalizamos a procedência dos produtos, a licença sanitária e sua qualidade”, explicou o coordenador.

Ambulante há quase dez anos, Claudio Ribeiro, de 58 anos, morador do bairro Santa Izabel, explicou que por muito tempo trabalhou de forma irregular, porém sua atitude mudou quando recebeu orientações da Fiscalização de Posturas. “Eles pediram minha documentação e eu não tinha. Pensei que naquela hora teria meu carrinho e material levado, porém eles apenas me orientaram e notificaram. Rapidamente procurei uma maneira para estar de acordo com as exigências e hoje eu trabalho tranquilamente”, disse Claudio, que tem um carrinho de churros.

REGULARIZE – SE:

Para se tornar um ‘Ambulante Legal’, basta procurar a Fiscalização de Postura, que fica no Parque da Cidade Natanael Geremias, munidos dos seguintes documentos:

Identidade;

CPF;

Título de eleitor;

Comprovante de residência;

Duas fotos 3×4;

Carteira de trabalho

Certidão de nascimento ou casamento.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *