Polícia Militar apreende grande quantidade de drogas no bairro Santa Cruz
8 de agosto de 2019
Volta Redonda recebe Projeto Roda-Hans em agosto
8 de agosto de 2019

Estudantes do Projeto Cidade da Música participam de Master Class no Cello Encounter

Alunos de Volta Redonda são destaques em cenário da música em evento Internacional

Os estudantes de escolas públicas que participam do Projeto Volta Redonda Cidade da Música, integrantes das Orquestras de Cordas I e II, receberam na tarde desta quinta-feira, 8 de agosto, de aulas de Master Class com músicos reconhecidos internacionalmente na sede do projeto no bairro Vila Mury. As aulas foram ministradas nas salas pelos músicos Gunther Tiedemann e Dave Hauglhey para a turma de violoncelo solo, Haroutune Belellian no violino, Lorna Griffitt no piano, David Johnson ( piano) , e Russei Guyver ( viola).

Durante a noite, desta quinta-feira, a partir das 19h30, foi programado um Recital de Câmara na sede, na Rua Avenida Graham Bell, 89, com entrada franca. Na sexta-feira, 9, a Orquestra de Cordas faz um concerto as 19h30 no Teatro Gacemss na Vila Santa Cecília. No sábado, 10, no mesmo horário, um novo concerto será realizado na Igreja São Sebastião no bairro Retiro.

O músico e professor de violoncelo solo, Dave Haughey, especialista em jazz, música moderna, popular e de improviso, destacou que “as crianças estão tendo contato com os melhores músicos do mundo de cada especialidade, interagindo e tornando a ligação do Cello Encounter com a escola, especial pelo aprendizado”. Ele vive nos EUA, é professor do projeto, casado com uma brasileira.

O especialista em viola, Russel Guyver, inglês radicado nos Estados Unidos, onde é professor e regente da Universidade do Colorado, disse que toda vez que vem a Volta Redonda, fica surpreso com a evolução dos estudantes. “Todo ano realizamos este trabalho uma vez aqui na cidade   e sempre sou surpreendido pelo alto nivel, pela qualidade com que eles avançaram, aumentando a confiança no tocar. Neste ambiente de música fazem amigos e terão uma vida melhor”, comparou.

O prefeito Samuca Silva comenta a programação e a participação da abertura do evento internacional no Rio de Janeiro, “Em Volta Redonda, os estudantes das escolas públicas aprendem música de qualidade com os melhores professores. As orquestras de cordas, certamente, farão um espetáculo que conquistará o público na abertura do festival”, afirmou.

No ano passado, o músico Russel Guyver levou como convidada, a pianista Sarah Higino, regente do Projeto Volta Redonda Cidade da Música para ficar por duas semanas nos Estados Unidos, onde ela fez palestras para os professores de música e a regência da orquestra da Universidade.

Sarah Higino, pianista e regente da Orquestra de Cordas, destacou o significado da abertura do festival internacional de violoncelo no Rio de Janeiro. “Para nós é um grande momento ter a orquestra de Volta Redonda se destacando neste cenário de música, fazendo a abertura do festival internacional. Esta parceria consolidada há anos, dado interesse do criador do festival em promover o encontro de gerações entre os profissores convidados e os jovens músicos do projeto, para juntos fazerem uma música de excelência para o público”, enfatiza.

O ex aluno, hoje professor e monitor de música do projeto, na Escola Municipal Amaral Peixoto, Allyson Bandeira Gomes, 22, que vai se apresentar no 25º Rio Internacional,  comentou. “Estamos muito felizes de estar presente, como convidados, num evento musical deste peso representando a cidade”. Disse.

No domingo, às 16 horas, a Orquestra de Cordas de Volta Redonda apresenta um concerto na Igreja da Candelária no Rio de Janeiro, onde fará a abertura do 25º Rio Internacional Cello Encounter, o maior festival de violoncelos do país que comemora 25 anos de edição.

Este ano o Rio Internacional Cello Encounter vai homenagear os compositores Heitor Villa Lobos, Led Zeppelin e Clara Schumann( 200 anos do nascimento da pianista e compositora alemã). O Rio Cello traz em sua programação, além de concertos, espetáculos de dança, exposições de arte, máster class e workshops. O eventos de Volta Redonda fazem parte dessa preparação para a abertura no domingo.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *