Postos do Detran recebem campanha de imunização contra a gripe
23 de março de 2020
Morre idosa com sintomas do novo coronavírus em Volta Redonda
23 de março de 2020

Prefeitura de Quatis aguarda novas doses da vacina contra a gripe

Idosos podem agendar por telefone para receberem a dose da vacina em casa

Tendo em vista a grande procura pela vacina contra a gripe logo no primeiro dia da campanha iniciada hoje, dia 23, a Secretaria Municipal de Saúde de Quatis decidiu suspender, temporariamente, o atendimento no posto montado no pátio da Prefeitura e nas unidades de saúde do Município. O objetivo é o de buscar uma nova forma de atender os idosos nas unidades de saúde sem provocar aglomeração. A suspensão vale até o Município receber novas doses da vacina.

A Secretaria pede, porém, para que os idosos com 60 anos ou mais continuem a realizar o agendamento para receber a vacina em casa. Os telefones são o 3353-2624 e o 3353-6220.

– Os nossos idosos não precisam ficar preocupados porque a vacinação, no caso deles, vai até o dia 15 de abril. Por isso que pedimos para que continuem a fazer o agendamento para a visita dos nossos técnicos da imunização. Assim que recebemos novas doses da vacina do Estado e do Governo Federal, revisaremos o cronograma de atendimento. Mas todos os nossos idosos serão vacinados – garantiu a secretária Cleonice Ramos.

De acordo com a Secretaria, nesse primeiro dia de vacinação foram imunizados 560 pessoas, sendo 535 idosos. Quase 3 mil pessoas formam o público-alvo para vacinação contra a influenza em Quatis. A meta estipulada para os municípios do estado do Rio de Janeiro é imunizar pelo menos 90 por cento deste público. Além dos idosos, os profissionais de saúde estão incluídos nesse primeiro grupo a ser vacinado até o dia 15 de abril.

A segunda fase começa no dia 16 de abril com a imunização de professores, profissionais das forças de segurança e salvamento, portadores de doenças crônicas e outras condições especiais.

No dia 9 de maio, será a vez de serem vacinados as crianças de seis meses a menores de seis anos, gestantes, puérperas (até 45 dias depois do parto), indígenas, adolescentes e jovens do sistema prisional e adultos de 55 a 59 anos de idade.

 

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *