PRF prende dois suspeitos com 35 quilos de drogas na Dutra, em Piraí
1 de maio de 2020
Volta Redonda registra a 13ª morte por Coronavírus
1 de maio de 2020

O engenheiro sanitarista Pedro Braile, de 90 anos, morre no Rio de Janeiro

Morreu na manhã desta sexta-feira, o engenheiro sanitarista Pedro Márcio Braile, de 90 anos, no Rio de Janeiro, onde morava. O velório e sepultamento não serão abertos ao público devido ao atual quadro de Covid-19. O sepultamento está marcado para este sábado no Cemitério Municipal Senhor dos Passos, no bairro Alto dos Passos.

ET: O engenheiro não morreu de coronavírus e nem morava em Resende, conforme foi divulgado pelo jornal online Destaque Popular.

História

Pedro Márcio Braile fez a passagem para o mundo espiritual no Rio de Janeiro. Nascido em Resende em 1929 ele era Engenheiro Civil e Sanitarista, com mestrado pela Universidade The Johns Hopkins University. Ele foi consultor nas décadas de 70 e 80 da Organização Mundial da Saúde. O filho, George, postou uma mensagem para o pai que foi um amigo e companheiro inseparável.

“ATÉ BREVE PEDRO MARCIO BRAILE

Foi um privilégio tão grande ter ele como pai nessa vida. Me sinto presenteado por Deus. Tanta sabedoria ao meu lado me dando todo seu amor por praticamente 50 anos.

Como pai, nos ensinou na prática, com exemplos a cada segundo.

Como amigo e família, a atenção com cada pessoa que cruzou seu caminho. Ele fazia questão de deixar um pequeno legado para todos. Do mais nobre ao menos afortunado. Não havia quem não se apaixonasse pela presença alegre, humilde e afetuosa. Era como encontrar um anjo que sorria para você. Mostrava sua alegria com seu piano, suas piadas, suas histórias, suas partidas de xadrez e seus conselhos amorosos.

Como marido, o vi mostrar tanta dedicação e compreensão. Admirava minha mãe como nunca vi algo igual. Para ele, ela era a pessoa mais inteligente e amorosa (o que para mim de fato o é…) Da face da terra.

Como guia espiritual sua fé e dedicação foram inabaláveis. Nunca esquecerei seu exemplo quando o dia da fofa chegou e aos 90 anos pegava um ônibus na rodoviária e partia a Resende todo mês para palestrar no Rosa Cruz.

Nos deixa aqui com tantas saudades (não tem como ser diferente). Mas nos deixa também um exemplo de como ser uma pessoa melhor. Que ame ao próximo, que tenha alegria no coração, que veja que a vida aqui na terra é algo passageiro e que por isso merece ser levada de forma leve e sublime.

Tenho muito a agradecer por esses anos todos… torço muito para que possamos aproveitar a companhia dele em outra esfera ou outras vidas. Tenho certeza que o lado de lá está em grande festa hoje com a chegada dele. Aproveitem minha irmã meus avós e todos que estão aí.

George 

 

Compartilhe

1 Comentário

  1. Analiel Ferreira Braile disse:

    Ao estimado Ir M.M Pedro Márcio Braile 3×3 T.’.F.’.A em ambas Coll , perdemos um sábio e valoroso Irmão visível, más ganhamos um novo irmão invisível. PP Q Ir V.I.T.R.I.O.L. MM.IIr.C.T.M.RR . ‘ .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *