Maternidade do Hospital São João Batista, em Volta Redonda, lança projeto ‘Alta Feliz’
20 de fevereiro de 2024
Deputado Jari intervém para restabelecer o fornecimento de energia elétrica ao Ciep em BM
20 de fevereiro de 2024


Operação da Prefeitura de Barra Mansa apura denúncia de residência com foco de dengue

Moradora que acumulava grande quantidade de entulho foi notificada e tem até cinco dias para fazer a limpeza do terreno

Uma equipe da Prefeitura de Barra Mansa, formada pelas secretarias de Ordem Pública, Meio Ambiente e Saúde e o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), montou uma força-tarefa, nesta terça-feira (20), para verificar uma denúncia de uma residência, no qual a proprietária seria uma acumuladora de resíduos. Chegando ao local, situado na Rua Alvaro Rego Millen, no bairro Nove de Abril, os agentes puderam ver, já do lado de fora, uma grande quantidade de material e um forte odor. Quando a moradora chegou e autorizou a entrada do pessoal, a equipe se deparou com um cenário ainda mais catastrófico, um ambiente ideal para a proliferação do Aedes Aegypti (mosquito transmissor da dengue, Zika e Chikungunya) e outros animais peçonhentos.

De acordo com o secretário de Ordem Pública, Capitão Daniel Abreu, nesse primeiro momento a equipe segue removendo possíveis focos do mosquito. Já em relação à dona do imóvel, a mesma recebeu uma notificação e tem até cinco dias para remover os demais resíduos. “Nosso trabalho é apurar a denúncia e buscar solução do problema, oferecendo o serviço do Centro de Tratamento de Resíduos (CTR) para o descarte do material. Caso ela não cumpra esse prazo, aplicaremos uma multa. Além disso, iremos manter uma fiscalização com maior rigidez neste imóvel, para que a situação não chegue nesse ponto”, explicou.

Daniel Abreu ainda falou sobre um fator que vem preocupando muito as autoridades nos últimos dias, a proliferação da dengue. “Estamos em um período crítico, com muitos casos de pessoas infectadas com a dengue. O local que visitamos se tornou um criadouro para o mosquito. Acionamos a equipe de Zoonoses, que prontamente veio inspecionar o imóvel”, completou.

Denúncias em casos assim podem ser feitas através do telefone: (24) 3029-9018.

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *