Homem é preso por importunação sexual no Centro de Volta Redonda
2 de março de 2024
Idosa é atingida por trem em Barra Mansa
2 de março de 2024


Volta Redonda faz doação de livros para Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher

Secretaria Municipal de Cultura (SMC) doou 50 livros, entre infantis e adultos, para estante da delegacia

As ações de incentivo à leitura ultrapassam as paredes da Biblioteca Municipal Raul de Leoni, na Vila Santa Cecília. Um dos exemplos disso foi a doação de 50 livros para a estante cultural da Deam-VR (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) de Volta Redonda. A doação aconteceu nesta semana, sendo uma iniciativa da Prefeitura de Volta Redonda por meio da Secretaria Municipal de Cultura (SMC).

A estante está situada na entrada da delegacia, na recepção, com objetivo de estimular a leitura, além de garantir a humanização dos atendimentos. A delegada titular da Deam, Juliana Montes, citou que essa parceria com a secretaria de Cultura visa incentivar também a doação de livros para o espaço.

“É um projeto de estimulo à leitura e de divulgação da cultura. Vamos estimular também as pessoas que tenham livros em casa, que já tenham lido, que possam trazer para doar à estante da Deam. Além de ser um ponto importante para a literatura, é um estimulo à humanização do atendimento na delegacia, porque é o que mais a gente busca aqui. Pela natureza do que atendemos, por tudo que é envolvido e pelas questões psicológicas, deixar o ambiente mais humanizado, mais leve, é melhor. Às vezes, nos dias mais agitados de delegacia, a estante pode tornar a espera menos longa”, disse a delegada acrescentando que “os livros são as maiores armas que a gente tem contra a criminalidade, contra a pobreza, contra tudo.”

O secretário municipal de Cultura, Anderson de Souza, comentou que essa parceria com a Deam é a primeira de muitas na segurança pública no município.

“Um dos projetos da Secretaria Municipal de Cultura é levar livros em incentivo à leitura em vários pontos de Volta Redonda. Temos a proposta de sair da Biblioteca Municipal Raul de Leoni e colocar os livros onde as pessoas têm maior acesso, com maior circulação. Em uma primeira reunião com a delegada Juliana Montes, pensamos em uma forma de humanizar o espaço, e criou-se a ideia da estante e também uma humanização através do graffiti. Esse é o primeiro passo da parceria, e todos da secretaria estão muito felizes em colaborar com esse espaço na delegacia de atendimento à mulher, falou.” Fotos de divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *