Volta Redonda discute políticas de saúde mental na atualidade
25 de fevereiro de 2019
Samuca Silva cumpre agenda sobre meio ambiente no Rio de Janeiro
25 de fevereiro de 2019

Banco de Sangue de Volta Redonda faz campanha por doações no período de Carnaval

Ação tem o objetivo de garantir estoque nesta época do ano

O Banco de Sangue de Volta Redonda está realizando uma campanha para doações neste Carnaval. O objetivo é garantir o estoque para as festividades que tem uma queda nesta época do ano. O hemonúcleo da cidade encaminha sangue para os hospitais públicos da cidade e para os municípios de Pinheiral e Pirai.

Segundo a coordenadora do hemonúcleo de Volta Redonda, enfermeira Cristina Guimarães, com a aproximação do feriado de carnaval acontece uma diminuição dos doadores. “Muitos deixam de comparecer ao hemonúcleo para doar sangue. A campanha é essencial para que essas pessoas compareçam e possam estar colaborando. Mesmo durante as festividades em muitas situações se fazem necessários a transfusão de sangue e seus componentes”, disse.

Para Jean de Melo, de 19 anos, que veio com o Projeto Vermelho a Cor da Cidade de Pirai, a doação aconteceu de forma espontânea.

“Comigo aconteceu de forma muito natural. E depois que comecei a vir doar sangue me senti muito bem. Toda vez que venho ao hemonúcleo fico eufórico por poder ajudar outras pessoas”, falou.

O banco de sangue fica no Hospital São João Batista. Ele funciona de segunda à sexta-feira, de 7h às 13h. Os interessados em doar sangue precisam sentir-se bem, com saúde, apresentar documento com foto – em caso de menor de idade é necessária autorização do responsável, que pode ser adquirida no próprio Hemonúcleo e apresentar documento original da pessoa que assinou o documento, ter entre 16 e 69 anos com peso acima de 50 kg.

O prefeito Samuca Silva, destacou a importância de se doar sangue nesta época do ano e convidou a população a ajudar a salvar vidas.

“Doar sangue salva vidas. É muito importante a participação da população, ainda mais nesta época do ano onde se registra muitos acidentes. O hemonúcleo precisa estar com estoque para atender as unidades da cidade e de outras cidades vizinhas. Queremos que todos se conscientizem da importância de doar sangue”, contou.

O banco de sangue informa que é importante não estar em jejum, fazer repouso mínimo de seis horas na noite anterior, não ingerir bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação, evitar fumar pelo menos, duas horas antes e depois da doação e evitar ingestão de alimentos gordurosos.

O secretário de Saúde de Volta Redonda, Alfredo Peixoto, destacou que o doar de sangue tem um papel fundamental no serviço do hemonúcleo. “O serviços de hemoterapia, que salvam vidas, e para isso depende dos doadores que saem de suas casas para doar vida. A doação de sangue precisa se tornar hábito entre a população. É rápido e indolor”, disse.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *