Polícia Militar apreende drogas, arma e munições no São Sebastião, em VR
14 de março de 2021
Prefeitura de Barra Mansa planta mudas de árvores nativas da Mata Atlântica
14 de março de 2021

Barra Mansa busca melhorias ambientais para o município

Reunião com SEAS buscou fortalecer parceria com vista ao desenvolvimento de ações para coibir o desmatamento e preservação de áreas ribeirinhas

O secretário do Meio Ambiente de Barra Mansa, Vinícius Azevedo, juntamente com o gerente de licenciamento Rodrigo Viana e o gerente de Unidade de Conservação, Douglas Muniz, se reuniram nesta sexta-feira (12) com a subsecretária de recursos hídricos e presidente do CEIVAP (Comitê de Integração da Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul) Ana Asti, acompanhada do secretário estadual do meio ambiente e sustentabilidade, Thiago Pampolha. O encontro ocorreu na sede da Secretaria Estadual do Ambiente, no Rio de Janeiro, e teve a finalidade de buscar soluções conjuntas para algumas pendências e melhorias para o município.

Um dos projetos tratados foi o chamado Olho no Verde, programa de monitoramento via satélite, que visa acompanhar em tempo real o desmatamento de áreas. Outro projeto muito debatido foi o de regularização fundiária das margens dos rios Barra Mansa, Bocaina, Bananal e Paraíba do Sul, que ajudará a nortear as ações de desocupação ou aprovação de ocupações na margem dos rios.

Outras pendências importantes que foram discutidas, foi a ampliação do convênio municipal de licenciamento ambiental, para que empresas com maior potencial poluidor sejam licenciadas, e a retomada das estações de tratamento de esgoto dos bairros Saudade, Ano Bom e Barbará, com o intuito de avançar neste ponto, em parceria com o SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto).

Vinícius Azevedo afirmou que a reunião foi muito positiva para Barra Mansa. “Tratamos várias pendências que existem e queremos melhorar esse alinhamento e parceria entre o Estado e o Município”. Fotos: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *